28 de mar de 2013

Minha vida fora de série por Paula Pimenta

Olá queridos leitores!

É a minha primeira resenha, então não reparem se não estiver muito profissional. Estou tentando fazer o melhor !

Escolhi para começar essa categoria no blog, o livro Minha vida fora de série da Paula Pimenta.


Sou meio suspeita para falar dos livros da Paula, porque me apaixonei por eles quando li pela primeira vez. Ela traz uma escrita leve, gostosa e sem nenhuma complicação gramatical. O fato da Paula ser mineira, acaba fazendo do cenário da história ser na nossa cidade de Belo Horizonte, o que é ainda mais legal, porque você se imagina no local durante todo o livro. Não é obrigatório ler a série Fazendo meu filme antes de ler Minha vida fora de série, mas te dá uma melhor visão da história. Tenho que parabenizar a Paula, pois não via nenhuma chance de uma grande história com a Priscila quando li Fazendo meu filme, e por isso essa história me surpreendeu tanto.

Um traço dos livros da Paula que amo são as frases de início de capítulo. No MVFS são frases de seriados. Elas refletem sentimentos da protagonista durante a trama.

SINOPSE:

"Mudar de cidade sempre é difícil, mas fazer isso na adolescência é algo que deveria ser proibido. Como começar de novo em um lugar onde todos já se conhecem, onde os grupos já estão formados, onde ninguém sabe quem você é? A princípio, Priscila não gosta da ideia, mas aos poucos percebe que pode usar isso a seu favor, tendo a chance de ser alguém diferente. Mas será que o papel escolhido é aquele que ela realmente quer representar? Aos poucos, Priscila percebe que o que importa não é o lugar e sim as pessoas que vivem nele. E que, além da nova cidade, há algo mais importante a se conhecer: ela mesma."

Confesso que no início do livro, a Priscila me irritou com seu jeito mimado, pensando somente em si mesma e esquecendo que seus pais também estavam sofrendo com a separação. Mas, a Marina, sua prima de BH, resolve isso e incentiva o começo da paixão por seriados da Pri. Mas, enquanto a história vai acontecendo, a relação com a mãe se mostra muito saudável e amigável.

"Priscila, na verdade a idade não importa, mas sim o fato de que você deveria apoiar a sua mãe! Você acha que não está sendo difícil pra ela também? Ela acabou de se separar do seu pai! Deve estar sofrendo muito por causa disso! Não precisa também de uma filha mimada pra tornar as coisas ainda mais complicadas pra ela nesse momento!"
Página 14.

Durante os capítulos seguintes, ela começa sua adaptação com uma nova vida. Faz algumas amigas, se interessa por um garoto ( que dá vontade de estrangular no final do livro) e tem sua primeira decepção amorosa. Mas, as coisas começam a melhorar quando começam as aulas e a Pri conhece algumas pessoas que se tornariam grandes amigos, como o Léo ( aquele mesmo fofo da Fani do FMF) ,a Júlia, Victória, Camila e um outro garoto que iria balançar seu coração.

"Tudo o que vinha na minha cabeça era o rosto do garoto da última fila, que por sinal eu nem sabia o nome e não tinha tido coragem de olhar uma segunda vez...
Página 119.

Esse garoto é o Rodrigo, o clássico tímido, que não conversa com muita gente, senta no fundo da sala, mas que pode revelar muitas surpresas. E foi o que aconteceu com a Pri. O desenrolar da história dos dois é super fofo e suspirante.

Quando eles estavam se aproximando, o garoto que ela paquerava no início da história, aparece, e para sua tristeza era irmão do Rodrigo. Ele ameaça a Pri e ela se afasta do Rodrigo por causa disso. Dá muita raiva desse Marcelo durante a parte final do livro. Mas, ele não consegue atrapalhar a vida dos nossos pombinhos.

Durante a história, aparecem e-mails, cartas e sms que a Pri manda para suas amigas de BH e de SP, o que torna tudo ainda mais "real". E o Rodrigo escreve poesias que aparecem de vez em quando no livro, e são muito lindas. A minha preferida é Lua da página 388.

Personagens como o Léo e a Samantha ( namorada do seu irmão) trazem o humor para o livro. A Samantha é quem dá os conselhos amorosos para a Pri e não tem como não se divertir com ela.

RESUMINDO:

O livro mostra uma fase da vida da Priscila, em que todo mundo passa, com os dilemas do primeiro beijo, primeiro amor, a decepção, o medo da mudança e entender o quanto ela pode ser boa. É uma história leve, descontraída que nos faz querer voltar no tempo, só para reviver aquele friozinho na barriga desses momentos. E se tudo der certo, em Maio a Paula lança a 2ª temporada da vida da Pri. Quem está curiosa para ver o que ela anda aprontando?

"Kevin: Se o sonho e a realidade às vezes se misturam, é assim mesmo que deve ser."
( The Wonder Years - Anos incríveis )

Amei o livro e recomendo para todas as minhas leitoras!

2 comentários:

  1. Eu já ouvi falar muito bem de todos os livros da Paula Pimenta. Cada vez que leio uma resenha fico com ainda mais vontade de ler os livros dela.

    Ela Só Pensa Nisso!

    ResponderExcluir

Fique à vontade para dar sua opinião!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...